LINO BERTRAND

Print

Vida e Arte

Written by Lino Bertrand. Posted in TEXTOS

(Por Elder Luiz de Santis)


"As cores da pureza, do amor, da inocência, da ingenuidade, da compaixão e da misericórdia
são sempre mais belas” Assim escreveu o artista Lino Bertrand. Artista  com palavras, artista com  tintas, com  formas. 

Pureza, amor, inocência, ingenuidade. Creio eu que ao nascer esses sentimentos nos são dados pelo Criador em plenitude e cabe-nos sua preservação, manutenção. Algumas instituições cuidam disso, como a família, religião e por que não, os primeiros anos escolares. As artes – todas – constroem os meios para essa manutenção. Seja uma pintura, seja uma dança, um poema. 

Compaixão e misericórdia. Desenvolvidas a partir da relação do homem com seu meio. Eis a arte novamente como mediadora do desenvolvimento afetivo do homem. Arte como provocadora de sentimentos, arte que eterniza um momento e este momento faz a humanidade repensar sua jornada... De que Monalisa sorri? Quem capta todas as cores de Monet?  Dá para ser racional diante das obras de Miró? 

E Capitu? Quem é esta mulher tão dissimulada? E o tal Bentinho que vive em todas as almas que ama? E Fabiano, animalizado pela seca do sertão nordestino? E Rita Baiana e Jerônimo, que se perdem em meio a um personagem coletivo, a um cortiço? 

Seja lá qual for a arte, sem ela não seríamos humanos. Ou, sem ela, seríamos menos humanos. 

Sem a arte, ficamos distantes de Deus. Pois é a arte que nos faz refletir a e sobre a imagem do Criador."

 

Life and Art


(By Elder Luiz de Santis)


"The color of purity, love, innocence, ingenuity, compassion and mercy
are always more beautiful "So wrote the artist Lino Bertrand. Artist with words, an artist with paints, with forms.

Purity, love, innocence, naivety. I believe that birth these feelings are given to us by the Creator in all its fullness and we shouldpreservation, maintenance. Some institutions take care of it, such as family, religion and why not, the early school years. The arts - all -the means to build this service. Whether a painting, a dance is a poem.

Compassion and mercy. Built on the relationship between man andhis environment. Here is the art back mediates the emotional development of man. Art as provoking feelings, art that immortalizesa moment and this moment makes humanity to rethink their journey... That Mona Lisa smile? Who picks up all the colors of Monet? You can be rational on the works of Miró?

And Capitu? Who is this woman so disguised? And this Bentinholiving in all the souls that love? And Fabiano, animalized droughtnortheastern hinterland? And Rita and Jerome Bahia, lost amid acollective character, a slum?

Whatever the art, without it we would not be human. Or without it we would be less than human.

Without art, we are far from God. For it is art that makes us reflecton the image to and from the Creator. "

VIA FACEBOOK

SIGA, COMPARTILHE, CURTA E ASSINE:

   

   

 Locations of visitors to this page